8 de out de 2010

Atos dos Apóstolos 2, 1-12 pag. 1414

Vinda do Espírito Santo

"Chegando o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um ruído, como se soprasse um vento impetuoso, e encheu toda a casa onde estavam sentados. Apareceu-lhes então uma espécie de línguas de fogo, que se repartiram e repousaram sobre cada um deles. Ficaram todos cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem...
Ouvindo aquele ruído, reuniu-se muita gente e maravilhava-se de que cada um os ouvia falar na sua própria língua. Que significam estas coisas?

O que Deus me diz hoje:

Que quando estamos cheios do Espírito Santo falamos de forma que todos entendem, pois falamos conforme o Espírito Santo nos concede para que todos que ouçam fiquem maravilhados pois compreendem tudo que lhes é proferido.

Um comentário:

BLOG DO MARIO JOSÉ disse...

Os sinais que temos para nos comunicar são muitos. Uma palavra, um olhar, um sorriso, uma falta de atenção, um desprezo. Com todos eles entendemos e reagimos. Receber o dom de poder falar outras línguas repentinamente, significa que eles estavam recebendo mensagens de que havia um trabalho a ser feito não apenas ali, mas nas mais diversas regiões do mundo.